terça-feira , maio 24 2022
Home / BANNER / Assembleia de municipários aprova contraproposta para negociar a reposição da inflação com o governo

Assembleia de municipários aprova contraproposta para negociar a reposição da inflação com o governo

Presidente da Astec, eng. agron. Irineu Foschiera apresenta proposta formulada na AG da entidade, em 12 de abril

Assembleia geral de municipários, realizada na noite desta quarta-feira (13), rejeitou a proposta apresentada pelo governo à categoria, de 10,06% de reposição, em três parcelas, e deliberou a apresentação de uma contraproposta ao governo, via ofício. Na próxima terça-feira, dia 19, às 16h, haverá nova reunião da comissão de negociação e, um pouco antes, a partir das 15h30, se iniciará uma vigília no Paço Municipal.

A contraproposta aprovada resultou da compilação das sugestões apresentadas pelo Simpa e pela Astec, que eram muito semelhantes. A proposta da Astec foi formulada na Assembleia Geral Extraordinária realizada pela entidade na terça-feira, 12 de abril.

Na avaliação do presidente da Astec, Irineu Foschiera, “os termos da contraproposta são razoáveis diante do tamanho da defasagem salarial que já atinge 36%. Além disso, há dinheiro em caixa e a Câmara Municipal aprovou a Lei Orçamentária Anual (LOA) com previsão para pagamento. Portanto, só falta a decisão política do prefeito em atender o solicitado”, considerou.

Contraproposta

1) Reconhecimento das perdas inflacionárias da administração anterior, de maio de 2016 a abril de 2020, que somam 14,94%, com cronograma de pagamento nos salários e no vale-alimentação.

2) Pagamento da inflação do período de data-base da administração atual, de maio de 2020 até abril de 2022, que soma 19,53%: pagamento de 10,06% imediato, com parcela de 4% em abril e 6,06% em maio. Os 9,47% restantes, divididos nos meses de agosto e novembro.

3) Reposição de 19,53% no vale-alimentação.

4) Pagamento das progressões do biênio 2012/2014 em 60 meses, com início de pagamento regular em julho/22. Atualização anual dos valores devidos, pelo índice da inflação utilizado para a reposição salarial.

5) Calendário para realização das progressões atrasadas:

Até setembro/2022: 2014/2016

Até março/2023: 2016/2018

Até agosto/2023: 2018/2020

Até novembro/2023: 2020/2022

6) Assembleia Geral permanente, com data indicativa de 27 de abril (quarta-feira), na quadra da E.S. Imperadores do Samba.

A categoria também aprovou duas outras ações: doação de cestas básicas a funcionárias terceirizadas de escolhas municipais que, desde fevereiro não recebem vale-alimentação e vale-transporte, e o envio de moção de repúdio à Mesa Diretora da Câmara Municipal que agendou audiência pública sobre o Projeto de Lei  Complementar (PLCE) nº 03/2022 (ressegregação de massas) para o mesmo horário da assembleia geral de municipários e sequer convidou o Simpa, entidade representativa dos maiores interessados na discussão do projeto.

 

Agende-se:

19/4 – terça-feira – 15h30: vigília de mobilização no Paço Municipal.

19/4 – terça-feira – 16h: reunião da comissão de negociação.

27/4 – quarta-feira: assembleia geral de municipários, na quadra da E.S. Imperadores do Samba (a confirmar).

 

Fortaleça a Astec!
Clique aqui e associe-se!
#Se puder, fique em casa!

ASTEC – Diretoria Executiva 2021/2022
UNIÃO, RESISTÊNCIA & LUTA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *