quarta-feira , dezembro 1 2021
Home / Notícias / FG Especial termina em truculência

FG Especial termina em truculência

Vereador Luiz Braz, que presidia os trabalhos, encerra sessão e manda seguranças esvaziarem as galerias

 

Foi encerrada a sessão plenária da Câmara de Vereadores na metade da tarde, sem que fosse votado o PLCE 5455/05, que institui a chamada FG Especial. O vereador Luiz Braz, que presidia os trabalhos, determinou a retirada de um servidor do DEP das galerias, sob a alegação de desrespeito porque, como todos os demais municipários presentes, ele estava aplaudindo e vaiando as manifestações dos parlamentares. Contrários à medida arbitrária, os vereadores Adeli Sell, Sofia Cavedon, Carlos Todeschini, Maria Celeste, Margarete Moraes e Maristela Maffei foram sentar-se com os municipários às galerias, junto com os colegas presentes, incluindo o presidente e vice da Astec, Eros Sadowoy e Ricardo Pulvirenti, que impediram a ação dos seguranças. Foi quando Luiz Braz determinou que a segurança esvaziasse a platéia, o que acabou não acontecendo. Os colegas da SMOV, capitaneados pelo Eng. João Pedro, manifestaram sua contrariedade com a falta de diálogo e de democracia, portando cartazes e mordaças. Com a sessão encerrada, foi convocada uma reunião de líderes e o projeto deverá voltar à plenário nesta quinta-feira, a partir das 14h, para votação. PORTANTO, É IMPRESCINDÍVEL QUE VOCÊ COMPAREÇA OU GARANTA UM REPRESENTANTE DO SEU LOCAL DE TRABALHO: VENHA DIZER NÃO! À VOTAÇÃO DO PLCE 5455/05 (FG ESPECIAL), ESTE PRESENTE DE PÁSCOA DO GOVERNO QUE SE COMPROMETEU A VALORIZAR O SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL. Valorize sua entidade: visite www.astecpmpa.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *